Investigadores da Universidade de Laval descobriram que as mulheres podem perder peso com probióticos.

Certos probióticos podem ajudar as mulheres a perder peso. A flora intestinal de pessoas obesas é diferente das pessoas magras, sendo que essa diferença se deve ao facto de que uma dieta rica em gordura e baixa em fibras promove a proliferação de determinadas bactérias em detrimento de outras.

Assim o Professor Angelo Tremblay e a sua equipa realizaram um estudo para determinar se o consumo de probióticos poderia ajudar a reequilibrar a flora intestinal, favorecendo o aparecimentos de bactérias que ajudam a manter um peso saudável

Período de Estudo

Para testar a hipótese, acompanharam 125 homens e mulheres com excesso de peso, que foram submetidos a uma dieta para perder peso de 12 semanas, seguida de um período de 12 semanas com o objetivo de manter o peso perdido.

Durante o estudo, metade dos participantes ingeriu 2 comprimidos diários de flavonoides pertencentes à família Lactobacillus Rhamnosus, enquanto a outra metade ingeriu um placebo.

Resultados

Após as 12 semanas de dieta, os investigadores registaram uma perda de peso média de 4,4kg nas mulheres que tomaram os probióticos e 2.6kg no grupo de placebos. No entanto nos homens não se registaram diferenças de perda de peso nos dois grupos.

Não se percebe porquê é que os probióticos não tiveram qualquer efeito sobre os homens, talvez tenha sido uma questão de dosagem ou por o período de tempo do estudo ter sido demasiado curto.

Após o período de manutenção de peso de 12 semanas, o peso das mulheres a tomar o placebo manteve-se estável, mas o grupo de mulheres com os probióticos continuou a perder peso. Cada mulher durante as 24 semanas do estudo perdeu um total de 5.2kg de peso.

Durante o estudo também se notou uma diminuição da hormona reguladora do apetite, leptina, no grupo que tomou probióticos, bem como uma diminuição da concentração total das bactérias intestinais relacionadas com a obesidade.

O estudo foi publicado no British Journal of Nutrition, mas merece continuação.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorReceita: Bolo de Maçã e Alfarroba
Próximo artigoReceita: Pudim de Abóbora

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here